Clinicas Persona - 50 Dicas Uteis Para Emagrecer ou Manter o Peso - 4

50 Conselhos úteis para emagrecer ou manter o peso (IV)


Clinicas Persona - 50 Dicas Uteis Para Emagrecer ou Manter o Peso - 4 Perder peso e emagrecer não significa ter de passar fome. Implica saber comer bem, de forma regrada e alguma disciplina. Mas sem exagerar. Para ajudar vamos apresentar alguns conselhos úteis que pode aplicar todos os dias. Esta é a quarta parte. Pode consultar a primeira, segunda e terceira partes. Além da quinta.  

  1. Diferencie fome de gula

A gula é um dos principais fatores para a obesidade. Muitas pessoas não são capazes de se controlar e ingerem alimentos mesmo sem terem fome. O excesso de alimentos bastante apetitosos que, cada vez mais existem, tornam mais difícil controlar a nossa vontade de os ingerir.

  1. Procure resistir aos desejos que o levam a consumir calorias em excesso

Todos sentimos, em algum momento, vontade de comer um determinado alimento mesmo sem estar com fome. Por vezes conseguimos resistir à tentação mas, outras vezes, não. Se ej do tipo de pessoa que tem sérias dificuldades em resistir, tente evitar ao máximo o contato com os alimentos que mais lhe são apelativos.

  1. Estabeleça objetivos e prazos realistas para o seu programa de emagrecimento

Nenhum programa alimentar saudável consegue que exista uma perda rápida de peso. O mais importante para se alcançar o peso saudável prende-se a uma mudança na maneira de se alimentar, mas também nos nossos hábitos de vida. Todas as dietas que garantem uma perda de peso rápida, estão associadas a um ganho de peso ainda mais rápido e descontrolado (“ioiô”).

  1. Não persiga metas impossíveis. O peso ideal é aquele que se consegue atingir e manter, de forma saudável

Todas as pessoas que querem emagrecer devem compreender e jamais esquecer que nem sempre é possível atingir o peso que se deseja. Muitas vezes, quando este peso é atingido, é difícil ou mesmo impossível mantê-lo. Assim, deve consciencializar-se que é muito melhor atingir um peso saudável e mantê-lo (mesmo que um pouco acima do peso desejado) do que tentar uma meta impossível, cheia de sacrifícios.

  1. Dê mais importância ao seu comportamento do que ao peso

Muito mais importante do que perder peso de forma considerável, é modificar os nossos comportamentos. Se você está a fazer uma alimentação saudável e a praticar atividade física, pode ter certeza que o seu corpo já está a sentir os efeitos. A mudança no comportamento levará, de forma lenta e gradual, a mudanças no seu corpo, que serão observadas e sentidas com o tempo.

  1. Não confunda um tropeço com fracasso do tratamento

O tratamento da obesidade não é um tratamento que possa ser resolvido num curto espaço de tempo. Este é um tratamento longo, que além de requerer uma grande força de vontade, também requer paciência. Todos nós, por vezes, tropeçamos, mas o importante e fundamental é nos reerguemos e continuarmos o nosso caminho. Não será uma simples recaída que irá fazer com que todo o tratamento seja perdido.

  1. Se algum dia exagerar no consumo de calorias, não deve desanimar e tente recuperar rapidamente o controle da situação

Nunca pense que por não se ter controlado num determinado dia, que nunca irá conseguir. Procure descobrir o que originou a esse descontrolo, de modo a evitar que aconteça de novo. Amanhã é um novo dia e voltará a rotina que estava antes.

  1. Explique aos seus familiares como eles podem ajudá-lo a atingir as suas metas

Mudar a maneira que as refeições são confecionadas, mudar os hábitos alimentares de sua casa, entre outros fatores, são tarefas difíceis de serem atingidas se não houver o apoio total da família. Tente explicar aos seus familiares que os seus objetivos só poderão ser atingidos com mudanças na sua vida e que eles, pelo facto de fazerem parte dela, também terão que experimentar ou compreender e ajudar nessas mudanças. No final, todos sairão beneficiados.

  1. Procure envolver seus familiares no tratamento e peça para eles lerem estes conselhos

Caso os seus familiares tenham algumas dúvidas, peça para eles também lerem estes conselhos. Eles verão que são inúmeras pequenas coisas que, embora simples, no final farão uma grande diferença para si. Convença-os de que as mudanças, apesar de parecerem árduas no início, podem ser alcançadas e mantidas.

  1. Envolva os seus familiares no seu programa de atividades físicas

É muito melhor fazer uma atividade física acompanhado do que sozinho. Deste modo, procure expor aos seus familiares e/ou amigos que um pouco de estímulo e companhia, podem fazer uma grande diferença para atingir o seu objetivo. Convide alguém para o acompanhar e que, ao mesmo tempo, o incentive.

Mais de 30 anos de experiência

Mude com confiança. Alcance os seus objetivos através de tratamentos seguros, eficazes e acessíveis, projetados para resultados duradouros e sem surpresas desagradáveis.

Marcar consulta gratuita

Beneficie de um serviço exclusivo, com total transparência, sem custos escondidos e totalmente comprometido com os seus resultados.

  • Avaliação inicial gratuita.
  • Análise corporal completa.
  • Uma sessão gratuita do programa prescrito (excepto Pershape e Depilação permanente).
  • Planos personalizados e acompanhamento constante.
  • Profissionais de saúde qualificados e em constante formação.
  • Facilidade de pagamento.

Este campo é para efeitos de validação e deve ser mantido inalterado.